Galactus é um Celestial?

Galactus é um Celestial?

Questão foi levantada pelo aparecimento das entidades cósmicas no novo trailer de Os
Eternos. A Marvel revelou no dia 19 de agosto o trailer final de Eternos. Épica, a prévia dá
detalhes sobre a equipe e conecta os novos heróis a eventos do MCU, como o estalo do
Thanos. Curiosamente, o vídeo também fez com que muitos internautas se perguntassem se
Galactus, clássico vilão do Quarteto Fantástico, é um Celestial.


Apesar de não serem citados nominalmente no trailer, os Celestiais fazem aparições que dão
uma noção da escala gigantesca dessas criaturas. As entidades surgem gigantescas e
imponentes quando Sersi (Gemma Chan) explica que os Eternos foram instruídos a não
interferir em assuntos que não envolvam os Deviantes.


A escala monumental dos Celestiais, somados ao visual marcante de suas armaduras fez com
que parte dos fãs se lembrasse de Galactus. Famoso inimigo do Quarteto Fantástico, o
Devorador de Mundos tem um visual próximo das criaturas, e por também se tratar de uma
entidade cósmica, há pistas o suficiente para crer que ele é um desses “deuses do espaço”,
porém, não é esse o caso, o Galactus não é um Celestial.


Sua primeira aparição aconteceu em 1966 nas HQs do Quarteto como uma perigosa entidade
que se alimenta de planetas e chega a Terra para um novo banquete. Sua origem só seria
contada três anos depois nos quadrinhos, em Thor #169, ele conta ao Deus do Trovão que se
chamava Galan e era um habitante de Taa, um próspero planeta que foi vítima de uma praga
que condenou inúmeros mundos pelo universo. Junto com outros habitantes, ele deixou seu
planeta natal para trás em uma nave que acabou atingida por radiação, matando quase todos
seus tripulantes, com exceção de Galan. Com o auxílio de um Vigia, ele sobrevive após sofrer
mutações que deram início a uma mutação que culminaria na entidade que conhecemos como
Galactus.


Toda essa saga foi concebida por Stan Lee e Jack Kirby anos antes de os Celestiais serem
criados nas páginas das HQs dos Eternos. Descritos como “deuses espaciais” responsáveis por
criar Eternos, Deviantes e humanos, esses seres não têm relação com Galactus, além do fato
de estarem no panteão de entidades cósmicas da Marvel.

Eternos vai acompanhar um grupo de heróis que fazem parte de uma das raças criadas pelos
Celestiais, seres divinos que existem desde o início dos tempos no Universo Marvel.


Estreia no Brasil em 4 de novembro.

Total de 94 visualizações

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Open chat
1
Olá
Podemos ajudar?