Soluções de proteção evitaram mais de R$ 50 bilhões em fraudes em 2021

Soluções de proteção evitaram mais de R$ 50 bilhões em fraudes em 2021

As fraudes de identidade no Brasil foram praticamente uma tendência no ano passado. Graças a soluções inteligentes de proteção, foram evitadas mais de 1,5 milhão de fraudes somente em 2021, representando uma economia de aproximadamente R$ 50 bilhões. Os segmentos que mais registraram esse tipo de risco foram as Fintechs e as Financeiras, que possuem – na maioria – processos de liberação de crédito feitos remotamente por aplicativos.

Isso se deve pelo crescimento de serviços digitais que se acentuou durante a pandemia da Covid-19, principalmente no segmento financeiro. Segundo a pesquisa da Febraban, 2021 em relação a 2019 houve um aumento de 90% no número de contas digitais abertas e que os canais digitais concentram 9 em cada 10 contratações de créditos.

Então, enquanto os brasileiros estão ainda se familiarizando com o gerenciamento de aplicativos, as empresas precisam estar atentas aos movimentos de fraudadores. Um exemplo é a unico, IDTech brasileira de soluções de proteção de identidade digital, que lançou no mercado o SmartLive, uma plataforma que comprova se a pessoa está ao vivo na hora de realizar a autenticação biométrica.

O objetivo da solução é aumentar as camadas de segurança contra as fraudes de identidade diante do crescimento das transações digitais no país, as quais exigem relações mais seguras entre o consumidor e as empresas, por meio de tecnologias sem fricção e com interfaces amigáveis.

“Os criminosos estão sempre em busca de vulnerabilidades e novas formas de aperfeiçoar os golpes de identidade. Investimos fortemente em tecnologia e inovação para criar o SmartLive como uma evolução da autenticação facial para que ele seja a melhor barreira na proteção da identidade das pessoas. A identificação digital deve evoluir a cada minuto e o nosso objetivo é fazer com que os brasileiros tenham confiabilidade em tecnologias que proporcionem uma vida mais simples e segura”, explicou Marcelo Quintella, VP de Produtos da unico.

O lançamento da nova tecnologia é um exemplo de como se assegurar, além de ser o primeiro após a série de aportes que fez da unico um dos unicórnios de 2021. De um jeito seguro e intuitivo, a novidade funciona da seguinte forma:

 

  • Com o Liveness Passivo, que com apenas uma foto (selfie) identifica se a pessoa que está capturando a biometria está ao vivo no momento e não usando uma foto de terceiros;
  • Com a tecnologia Liveness 3D da FaceTec, que verifica se uma pessoa não autorizada está usando um vídeo ou mesmo um artefato tridimensional para tentar acessar a conta, confirmando que ela está realmente viva e presente no momento da solicitação de acesso.

 

Fonte: Olhar Digital

Total de 165 visualizações

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Open chat
1
Olá
Podemos ajudar?