Venom e sua releitura em filme solo

Venom e sua releitura em filme solo

 

O filme Venom, lançado em 13 de Setembro nos EUA, com estreia em 04 de Outubro aqui no Brasil, teve um faturamento de mais de US$ 508 milhões, contra apenas US$ 100 milhões, o que é estranho, se levarmos em consideração a quantidade de críticas negativas recebida pelo filme.

O longa, que é uma adaptação da história de um dos personagens mais complexos da Marvel, que torna-se o centro das atenções após se unir ao Jornalista investigativo Eddie Brock, que depois de ter sua carreira destruída pelo dono da Fundação Vida, Dr Carlton Drake, que estava usando seres humanos como cobaias. Em uma tentativa de desmascarar o cientista, Eddie invade a fundação e acaba se tornando, por acidente um hospedeiro de uma das criaturas que estavam sendo estudadas.

Nos HQ’s, o simbionte aparece pela primeira vez como trage do Homem-Aranha que até então não sabia que era uma criatura viva.

Ainda nas histórias em quadrinhos, a união entre o alienígena e Eddie Brock, acontece em The Amazing Spider-Mam #299, em Maio de 1988. Mostrando o desligamento entre o aracnídeo e simbionte, motivado pelo fato de que Peter percebeu que seu trage apesar de alimentar seus poderes, estava deixando-o muito agressivo e violento de forma que não era normal. Consequentemente, a criatura se sobre caindo sobre o jornalista Eddie Brock, que alimentava um ódio fatal pelo nosso fazedor de teias, pois acreditava que a culpa pela sua ruína era dele.

Críticas Pessoais

Como admiradora do personagem, ver Venom como anti-herói, com uma origem que passa bem longe da que cresci lendo e vendo, só para dar um filme solo a ele, foi bem chocante. Mas falando tecnicamente, houve algumas outras coisas que também me deixarão bem decepcionada com o filme, como por exemplo, as piadas forçadas e a dublagem desagradável. No entanto, para quem não conhece Venom, é um bom filme.

 

Total de 120 visualizações

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Open chat
1
Olá
Podemos ajudar?