News

Microsoft obriga canal sobre Xbox a mudar de nome, após acusações de racismo

Canal também foi banido da Twitch, após denúncias de usuários

Nesta semana, o canal anteriormente conhecido como “Xbox Mil Grau” foi obrigado pela própria Microsoft a parar de usar a marca Xbox após inúmeros trechos de vídeos mostrarem declarações de cunho racista, transfóbico e misógino dos participantes.

Em um dos clipes denunciados, um dos participantes fala que negros “tem que voltar para a senzala. Nunca deveria ter deixado de ser escravo.”

A Microsoft emitiu uma declaração oficial sobre o caso:

“O conteúdo da conta Mil Grau não reflete nossos valores fundamentais de respeito, diversidade e inclusão. Nós já exigimos a remoção imediata da nossa marca dos seus canais, por meio das empresas de redes sociais. Não temos informações adicionais nesse momento.”

Pouco tempo depois, o canal, que já havia sido renomeado para “XMG”, foi banido da Twitch.

Os administradores do canal afirmaram no Twitter que “A XMG jamais cometeu atos de racismo e discriminação”.

No momento, o canal permanece ativo apenas no YouTube, mas os vídeos foram completamente ocultados da plataforma.

Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Open chat
1
Olá
Podemos ajudar?
Powered by