Filmes & Seriados

Criadores de Stranger Things estão sendo processados por plágio de novo

Empresa alega que irmãos Duffer copiaram as ideias do roteiro de um filme chamado Totem

A Netflix e os irmãos Duffer estão sendo processados por plágio de Stranger Things — de novo.

Dessa vez, o processo vem da Irish Rover Entertainment, que alega que a série copiou “história, sequência, personagens, tema, diálogos, tom e ambientação, além de artes conceituais protegidas por direitos autorais” de um filme chamado Totem, escrito por Jeffrey Kennedy.

A possível ponte entre os projetos é um dos artistas conceituais da série da Netflix chamado Aaron Sims, que alegadamente trabalhou com Kennedy em Totem.

Essa não é a primeira vez que a série é acusada de plágio. Em abril de 2019, outro roteirista acusou a dupla de ter roubado sua ideia

Um porta-voz do serviço de streaming negou a acusação ao The Wrap:

“O sr. Kennedy está fomentando essas teorias da conspiração há anos, ainda que a Netflix tenha explicado repetidamente que os irmãos Duffer nunca ouviram falar sobre ele ou seu roteiro não-publicado até ele começar a ameaçá-los com um processo. Depois que nos negamos sua exigência de pagamento, ele deu início a esse processo sem fundamentos. Há muitas pessoas que gostariam de ser creditadas por criar Stranger Things. Mas a verdade é que a série foi concebida de forma independente pelos irmãos Duffer, e é um resultado de sua criatividade e trabalho duro. ”

O quarto ano de Stranger Things deve retomar a produção em 17 de setembro

As três primeiras temporadas estão disponíveis na Netflix. A quarta temporada segue sem previsão de estreia.

Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Open chat
1
Olá
Podemos ajudar?